[ editar artigo]

Interesseiro, interessado e interessante!

Interesseiro, interessado e interessante!

Hoje ter alguém interesseiro em nossas vidas é considerado algo negativo, concorda? Mas já parou pra pensar que você, como um ser humano também faz tudo com algum interesse por trás? Calma! Te convido a fazer essa reflexão comigo! 

Algo que aprendi e que faz total sentido com a afirmação acima é que nós não gostamos de pessoas, e sim do que as pessoas nos proporcionam. Isso explica muuuuuuita coisa não acha? Principalmente o fato de gostarmos de algumas pessoas e de outras não. Ninguém está interessado em ter por perto uma pessoa que a trata mal ou que traga algum desconforto, logo, nosso interesse é em estar com alguém que nos faz bem. Sendo assim, caso você esteja buscando se relacionar com alguém de alguma forma e não recebeu o mesmo interesse de volta, fique tranquilo, está tudo certo contigo. Você apenas não é uma pessoa que satisfaz os interesses do outro no momento. As opções são seguir o jogo ou buscar desenvolver a qualidade em questão para conseguir se conectar.

Mesmo que você pense que não, inconscientemente existe algum interesse em nossas ações. Lembra da frase,

"a pessoa que vem pelo dinheiro, vai embora pelo mesmo motivo"

Aqui temos uma clareza de que se o interesse for único ele não é sustentável.

Nós podemos replicar essa reflexão e aplicar em qualquer relacionamento em nossas vidas, pois as relações profundas são feitas de mais pontos de interesse em comum, onde você não está sustentando essa relação por um motivo único.

Então sugiro que:

 

  1. Seja interesseiro: assuma e tenha consciência dos interesses que te conectam com as coisas e com as pessoas. Se a lista de interesses for pouca, busque mais motivos de interesse, caso contrário pode ser que essa relação não dure muito.
  2. Seja interessado: uma das formas de você descobrir o que de mais interessante uma pessoa pode te oferecer, é você estar disposto a gastar tempo e energia se mostrando interessado em conhecê-lo mais profundamente. Não é fácil as pessoas se abrirem e falarem tudo sobre elas, então tenha paciência e se mostre aberto a isso.
  3. Seja interessante: o mundo é feito de conexões! 80% do sucesso das pessoas mais bem sucedidas vem do networking delas, que nada mais é do que uma rede de pessoas mega interessantes. Então desenvolva suas habilidades para que você consiga jogar esse jogo também e ter os benefícios que ele proporciona. Para nós que trabalhamos com comunidades, entender esse jogo e estar disposto a desenvolvê-lo todos os dias, faz a diferença!

Já que agora estamos conscientes que somos seres de interesse, as pessoas se relacionam por terem interesses em comum e que nos tornarmos interessantes faz a diferença, me conta aqui nos comentários qual é o seu interesse em participar da Tribos? :)

Tribos
Luiz Fernando Heiras
Luiz Fernando Heiras Seguir

Sou apaixonado por fazer as pessoas se conectarem com aquilo que realmente importa pra elas e encontrem a sua tribo pra potencializar essa experiência. Acredito no poder das comunidades para as pessoas realizarem aquilo que é importante para elas!

Ler conteúdo completo
Indicados para você