[ editar artigo]

Como adaptar minha comunidade do offline para o online?

Como adaptar minha comunidade do offline para o online?

Olá Comunidade,

Espero que estejam todos bem por aí!
Já me apresentei por aqui, mas eu sou a Iza Barros, moro aqui em Brasília e sou Community Manager do Manifesto Coworking , há 3 anos.

Desde que o isolamento social imposto pela quarentena começou, me peguei muitas vezes perdida em como adaptaria a minha comunidade para esse cenário distante e online e percebo que essa é a dor da maioria dos Communities que gerenciam espaços físicos por aí.

Por isso, vim compartilhar o que tenho feito e tem funcionado por aqui, espero a contribuição com a experiência de vocês :)

Primeiramente, gostaria de falar que acredito que  todas as comunidades, até as que já estão retomando ao cenário offline, precisam se adaptar pro online, pois esse nosso cenário incerto persistirá por muito tempo, enquanto não houver uma vacina ou outra solução, então essa dica também serve pra você.

  1. Conheça sua comunidade!

Se você já conhece, ótimo.
Se não é hora de conhecer ,marque conversar, mande formulário, marque call.
Vá atrás de fazer o “onboarding” que ainda não foi feito e é tão importante para o engajamento da sua comunidade.

     2. Se você não tem um canal online ainda, crie.

Qual canal você vai escolher? Telegram, whatsapp, slack, entre outros. 
Onde a sua persona está inserida? Qual a geração dela?

    3. O momento agora não é um momento NORMAL.


Não espere o mesmo engajamento, nem as mesmas respostas. É preciso ser adaptável. O que a sua comunidade realmente precisa no momento atual? Não tente descobrir, pergunte!

     4. Convide a sua comunidade offline pra cooperar com você e construir junto a nova realidade.


Marque eventos ou reuniões individuais e coloque suas dores para a comunidade, peça ajuda na criação desse novo cenário, pergunte para eles o que eles gostariam que você fizesse. Isso engaja e faz eles se sentirem ainda mais parte, o que é um dos pilares da comunidade.

    5. Olhar no macro sua comunidade offline e ver como você consegue adaptar isso para o online.


Quais rituais vocês tem? Quais eventos? happy hour? O que é possível adaptar nesse nosso novo cenário online? Cursos? Workshops? Aqui na Tribos temos o texto da Cleo falando as melhores ferramentas e a sua experiência na adaptação para o online, o que leva para a última dica do dia. 

    6.  Replicar eventos pro offline.

Quais são seus objetivos com o evento? Qual é o propósito? O que você pode adaptar? Mesmo eventos online nunca tendo o olho no olho, a sensação de pertencimento e bem estar que fica após os eventos da comunidade, continua! Matar a saudade das pessoas que faziam parte do nosso cotidiano é uma das melhores partes da semana. Se você ainda não o fez, vale a pena testar.


Essas são dicas básicas de um passo a passo de adaptação, mas há muito mais o que fazer. Na minha comunidade, perguntei para eles o que gostariam de ter nesse momento, até troca de livros com dedicatória surgiu. Meus mailings passaram a ser trocas de receitas, indicações de entrega de bebida, livros da semana e até seriados, coisas que não faziam parte do meu mailing semanal -

O importante aqui é SERVIR a nossa comunidade de acordo com as suas necessidades do momento.

O que você tem feito por ai? Compartilha aqui nos comentários comigo!

Até logo,
Izadora.

Tribos
Izadora Barros
Izadora Barros Seguir

Humana, curiosa e criativa. Me encontrei na profissão de Gerente de Comunidade depois de ter me tornado uma advogada frustrada e desde então me dedico a estudar e disseminar conhecimentos na área de comunidade.

Ler conteúdo completo
Indicados para você