[ editar artigo]

Como adaptar eventos físicos para o virtual | 4ª live Tribos

Como adaptar eventos físicos para o virtual | 4ª live Tribos

Faaaala, galera... Beleza?

Para quem ainda não me conhece, eu sou o Luiz, um dos fundadores da Tribos.co junto dessas três pessoas incríveis que são a Jen, Izadora e Emiliano.

Eu acredito no poder das comunidades para que as pessoas realizem aquilo que é importante para elas. É com esse objetivo que estamos trazendo conteúdos relacionados as comunidades e dessa vez trouxemos o tema: eventos.

Na última quinta-feira (21/05), tive o prazer de bater um papo com a Emmeline Lucena Regional Manager da TechStars, Camila Florentino Co-founder e CEO Celebrar.co e o Caio Matos Community Manager na Alura e Creative Mornings, trazendo muito conteúdo e insights para o mundo dos eventos no momento que estamos vivendo.

Aqui vou trazer os principais insights dessa live mas vale muuuito a pena conferir esse bate papo completo no nosso canal do Youtube. 
 

  • Maior desafio do momento é reaprender a produzir eventos.

  • O virtual também pode ser legal e não ser encarado apenas como uma pessoa a frente de uma tela.

  • Um fator para os eventos online não serem a mesma coisa que o presencial é que tentar transpor o presencial da forma que é pro online, não funciona. Busque outras possibilidades e procure não ir pelo mais óbvio

  • Não tem nada de errado criar um playbook do zero, se é isso que precisa ser feito, faça!

  • Foco no que funciona! Como? Teste, aprenda, refaça o processo, teste de novo… Tentativa e erro até conseguir o resultado esperado! 

  • Pontos positivos dos eventos online: 

    • mostrar para as pessoas que é possível ter novas experiências e emoções nos eventos online

    • atingir um número maior de pessoas

    • chegar em pessoas do mundo inteiro

    • dá menos trabalho do que montar um evento presencial

    • Utilizar forma criativas de fazer reuniões (tem gente fazendo reunião através de jogos de vídeo game)

    • Dá acesso às pessoas que não podem, por algum motivo, chegar até o evento se fosse presencial. Tira a barreira geográfica.

  • Pontos negativos dos eventos online: 

    • experiência comprometida

    • não tem aquele momento do cafézinho para networking

    • não tem contato físico

    • não tem a energia das pessoas que ajuda a guiar o evento

  • Tendências:

    • Padrões de higiene mais rígidos nos eventos presenciais.

    • A inversão da localidade dos eventos e a localidade das pessoas. Antes as pessoas se deslocavam para os eventos, agora as pessoas estão em casa e vários eventos acontecendo através da tela.

    • As pessoas questionarem mais se o evento precisa ser presencial ou online. É aquela história do “Será que essa reunião não poderia ser um e-mail?” Será que esse evento presencial não poderia ser online?

    • As pessoas olhando para suas comunidades locais e vendo o que funciona pra elas. Nem sempre replicar algo que está acontecendo em outro contexto vai servir pra você.

    • A régua de qualidade dos eventos vai subir. Os eventos online vão ficar cada vez melhores.

    • Não há limite para os eventos, está rolando evento sobre tudo no mundo online.

Já temos nosso 5º webinar marcado! Vai acontecer na próxima quinta-feira (28/05), às 19h e vamos falar sobre As Comunidades em Hubs de Inovação. Não esquece de ativar o lembrete do Youtube e de seguir a gente no Instagram.

Até a próxima! Valeeeeeu! 😉

 

TAGS

eventos

Tribos
Luiz Fernando Heiras
Luiz Fernando Heiras Seguir

Sou apaixonado por fazer as pessoas se conectarem com aquilo que realmente importa pra elas e encontrem a sua tribo pra potencializar essa experiência. Acredito no poder das comunidades para as pessoas realizarem aquilo que é importante para elas!

Ler conteúdo completo
Indicados para você